fbpx

Integrantes do NUPS reencontram jovens do Projeto Quixote

A saída foi a primeira do 2° semestre do NUPS


Na última quinta-feira, 5 de setembro, os alunos que integram o Núcleo de Projetos Sociais da Lourenço Castanho mais uma vez visitaram o Projeto Quixote, localizado na Vila Mariana.

Desta vez, a vivência teve como objetivo a produção de cartazes que serão expostos na Mostra Cultural do Espaço. O evento terá como tema a pergunta “O que nos torna humanos?”.

Para a sensibilização, Claudia, uma das educadoras do Projeto, mostrou aos jovens o vídeo “O que nos torna humanos – Alice Roberts & Michael Tomasello”. Após assistirem, o Professor Juan Carlos Ramirez, educador do NUPS do Ensino Fundamental II, instigou os adolescentes a refletirem sobre o tema dentro da vivência que estavam tendo com pessoas tão diferentes.

Seguindo com as atividades, os alunos foram convidados a produzir cartazes expondo as razões pelas quais eles acreditavam que um ser se torna humano. O momento foi de integração, todos estavam muito empenhados na elaboração, o que fez com a vivência os aproximasse ainda mais.

Havia novos jovens em processo de acolhimento como também novo integrantes no NUPS. Manuela Bertero Coccaro, aluna do 8°C, ingressou neste semestre no NUPS. Ela contou que a experiência no projeto foi muito enriquecedora. “É muito importante que conheçamos pessoas novas, porque assim temos uma visão mais ampla e conseguimos entender o mundo com mais clareza”.

As alunas Isabela Messore e Isadora Maués, ambas do 9° A, participaram das outras vivências com o Quixote e contaram que, desta vez, a proximidade entre todos foi maior. “A primeira vez que fomos, como não nos conhecíamos, estávamos mais travados, mas desta vez a integração foi muito boa”, comentou Isadora.

Isabela ainda falou sobre a expectativa para o próximo encontro, que acontecerá na Lourenço Castanho: “Eu acho uma boa oportunidade para termos contato com pessoas da nossa idade, com interesses parecidos, mas com realidades diferentes. Eu espero que na ida deles para a Escola, aqueles que não puderam conhecer na última vez, possam saber um pouco da nossa realidade também”.

Na próxima semana, os participantes do Quixote e seus educadores virão à Escola para mais um dia de integração, com atividades físicas e nos laboratórios.